November 29, 2022


Após quase 13 anos de sucesso na indústria musical sueca, o produtor e artista William Fredriksson sentiu que estava perdendo a paixão pela música. Ele havia deixado sua carreira de artista solo para trás vários anos antes, apesar de vender ouro, e estava começando a se sentir cada vez menos motivado em sua produção – ele precisava de uma mudança. Ele retornou recentemente sob o apelido de Will Laroca, quem é recente single de estreia “Sagrado Um é”, foi uma impressionante faixa de EDM pop com uma mensagem inspiradora e espiritual, recebeu muitos elogios de críticos e meios de comunicação, colegas DJs e amantes da música.

“A transição para a house music veio de um interesse genuíno em misturar diferentes estilos musicais e experimentar diferentes ritmos e gêneros. Por causa do meu histórico de hip-hop com texto e conteúdo muito significativo e pessoal, veio naturalmente para mim misturá-los e criar minha própria opinião sobre EDM com letras profundas. Sou um músico com o maior respeito pela arte da música. A possibilidade de expressar emoções, sonhos e pensamentos através de uma música é o que me move. Eu basicamente me apaixonei por fazer melodias.” Will Laroca

Agora, ele está de volta com um novo single emocionante, “Aurora boreal“, assinado com a Virgin Music Suécia, inspirando-se em sua herança sueca e no fenômeno da luz natural. É uma música viciante de slap house, alimentada por melodias brilhantes de violino, inspirada na antiga música folclórica sueca, que remonta aos séculos 14 e 15, bem como no antigo estilo musical nórdico antigo dos tempos medievais. “Aurora boreal“envia a mensagem de que mesmo quando você está nos lugares mais frios e escuros – a luz do norte serve como uma metáfora para a esperança.

“A aurora boreal é uma metáfora para a luz orientadora da positividade que senti quando consegui me trazer de um lugar escuro. Para mim foi com a ajuda da minha fé, mas para outros pode ser outra coisa, a força positiva que tem o poder de guiá-lo em tempos difíceis.” – Will Laroca

Ouça abaixo!