December 2, 2022


Gal Costa, a icônica Tropicália e musica popular brasileira vocalista, morreu, segundo a Associated Press. A causa da morte não foi revelada, mas a cantora foi recentemente forçada a cancelar uma apresentação no festival Primavera Sound em São Paulo após passar por uma cirurgia em uma de suas narinas. Costa tinha 77 anos.

Costa é considerado uma figura de destaque na Tropicália, o movimento contracultural multidisciplinar que abrange música popular, teatro, cinema, poesia e artes visuais no Brasil. O movimento se desenvolveu em resposta à ditadura militar que durou de 1964 a 1985, e foi inspirado em discos de rock psicodélico importados dos Estados Unidos e do Reino Unido, com músicos brasileiros como Costa, Caetano Veloso, Gilberto Gil e Os Mutantes tomando pistas de os Beatles, Jimi Hendrix e Janis Joplin.

Costa nasceu Maria da Graça Costa Penna Burgos em 1945 em Salvador, Bahia. Na juventude conheceu as estrelas da Tropicália Caetano Veloso e Gilberto Gil, tendo-se apresentado com os dois músicos no concerto “Nós, por exemplo” em Agosto de 1964. Este momento marcou o início de uma colaboração de longa data entre os três músicos, com Costa tocando e gravando músicas escritas pelos dois compositores nas próximas décadas. Em 1967, ela lançou domingoálbum colaborativo com Veloso, e Costa se apresentaria com os artistas em Tropicália ou Panis e Circensisum quem é quem da Tropicália que incluiu outras grandes figuras como Tom Zé e Os Mutantes.

Costa continuaria a gravar e se apresentar como parte de uma musica popular brasileira movimento em todo o país. Seu álbum de 1973, Índiae álbum ao vivo de 1971, Gal a Todo Vapor, são considerados álbuns definidores do movimento. Em 2011, ela recebeu um Grammy Latino Lifetime Achievement Award.

“Nossa irmãzinha se foi”, Gilberto Gil escreveu em português nas redes sociais. “Muitas pessoas no Brasil ficaram encantadas com o canto dela. Agora seu canto fica conosco pelo resto de nossas vidas, por todo o tempo de nossa história.”

Luiz Inácio Lula da Silva, presidente eleito do Brasil, escreveu em português, “Gal Costa esteve entre os melhores cantores do mundo, entre nossos principais artistas para levar o nome e as sonoridades do Brasil para todo o planeta. Seu talento, técnica e coragem enriqueceram e renovaram nossa cultura, embalaram e marcaram a vida de milhões de brasileiros.”

A imagem pode conter: Humano, Pessoa, Texto, Etiqueta, Anúncio, Cartaz, Folheto, Brochura e Papel

A história da Tropicália em 20 álbuns